Minha central de anúncios: o Google permite que os usuários controlem a exibição de anúncios por tópico ou marca


Durante o evento anual Google I/O 2022, a empresa anunciou, entre muitas outras novidades, que ainda este ano lançará a plataforma My Ad Center, um hub de publicidade que dá aos usuários mais controle sobre os anúncios que desejam receber. Segundo a empresa, a ferramenta substituirá as atuais funcionalidades do Configurações de anúncio e Sobre esse anúncio.

A notícia reafirma e é totalmente consistente com o crescente compromisso do mercado com a privacidade.

Neste artigo, você conhecerá as principais mudanças que virão com este novo produto e como as marcas podem se preparar para essa realidade sem precedentes.

O que mudará para os usuários?

De forma muito intuitiva, o My Ad Center permite que cada usuário escolha de quais tópicos e empresas deseja ver anúncios (ou não) ao usar o YouTube, a rede de pesquisa e o Discovery.

Os temas e marcas são apresentados conforme a imagem abaixo:

Minha central de anúncios: o Google permite que os usuários controlem a exibição de anúncios por tópico ou marca 1
Minha central de anúncios: o Google permite que os usuários controlem a exibição de anúncios por tópico ou marca 3

Ao clicar nos botões +/-, os usuários informam ao Google que desejam receber mais ou menos anúncios sobre um assunto ou empresa específica.

Além disso, como você pode ver na imagem abaixo, o usuário pode bloquear determinados tópicos que considera sensíveis:

Minha central de anúncios: o Google permite que os usuários controlem a exibição de anúncios por tópico ou marca 5

Outra opção interessante é a aba Privacidade. Lá você pode editar seus dados demográficos (idade, sexo, educação, etc.) como achar melhor. Isso dá ao usuário a capacidade de receber anúncios de acordo com a segmentação desejada.

Além disso, ao utilizar o buscador ou navegar nos sites parceiros do Google, você tem a opção de favoritar, bloquear, filtrar tópicos e também descobrir quem está patrocinando este link no Google Ads:

Minha central de anúncios: o Google permite que os usuários controlem a exibição de anúncios por tópico ou marca 7

O que está mudando para marcas e anunciantes?

Com boa aceitação pelos usuários, o My Ad Center contribui para o desenvolvimento ainda maior da qualidade das informações e inteligência de dados na plataforma do Google.

Ao mesmo tempo, a experiência do usuário pode ser constantemente aprimorada, pois essas informações servem como base para personalização e filtragem dos temas que realmente lhe interessam.

Como o Google é o maior buscador do mundo, proporcionar uma boa experiência ao usuário não é uma estratégia opcional para a empresa; pelo contrário, isso sempre será uma prioridade em suas alterações.

Com essa introdução, os anunciantes precisam pensar cada vez mais na relevância de seus anúncios.

Promover uma boa experiência do usuário e realizar uma boa segmentação em suas campanhas são fatores fundamentais para ter sucesso com esse canal de aquisição de tráfego.

Além disso, o usuário tem a possibilidade de verificar quem pagou por cada anúncio, uma capacidade inédita que reforça ainda mais a importância do branding para as empresas.

Como as marcas podem se preparar?

Essa mudança reforça a ideia de que as marcas devem se esforçar para serem cada vez mais relevantes. Se sua empresa não tiver um relacionamento sólido com seu público, eles simplesmente não incluirão sua marca nas configurações de anúncios.

Isso dificulta que seus anúncios “apareçam fáceis” para o público, pois eles têm o poder de escolher se querem ou não ver você.

E esse é um ponto muito importante quando falamos de estratégias de marketing.

Já ouvi em muitas áreas profissionais que tráfego pago é melhor que tráfego orgânico e isso é muito preocupante.

Uma estratégia de marketing não deve se basear apenas na geração de tráfego, seja por meio de mídia paga ou não. Marketing é sobre relacionamentos, posicionamento e autoridade, sendo o conteúdo um pilar fundamental.

Uma boa estratégia de conteúdo tem o poder de construir e construir comunidades e legiões de fãs para sua marca.

Portanto, os anúncios não são apenas um canal de aquisição de clientes, mas também de relacionamento com seu público.

Portanto, não pense nos anúncios apenas como uma forma de “empurrar” suas ofertas para clientes em potencial, mas sim como um canal de atração e relacionamento com anúncios que sejam realmente relevantes e tenham a capacidade de realmente capturar a atração do usuário.

Além disso, permitir que os usuários escolham quais tópicos eles acham interessantes pode ser visto como uma oportunidade para melhorar cada vez mais a segmentação de seus anúncios e alcançar pessoas que realmente desejam receber ofertas sobre os tópicos mais relevantes para eles.

Ainda não podemos dizer qual será o real impacto para anunciantes e usuários, mas minha recomendação é que você fique por dentro das tendências e revoluções que a privacidade está prestes a criar no universo digital e aprenda cada vez mais a prepará-la.

Conclusão

Para aumentar suas preocupações com questões de privacidade, o Google dará um passo muito importante e ousado para melhorar a experiência de seus usuários na Internet.

Nesse contexto, as marcas devem caminhar na mesma direção para oferecer experiências cada vez melhores ao seu público, melhorar seu posicionamento online e atrair pessoas que realmente desejam consumir conteúdo e ofertas das empresas.

Como eu disse antes, ainda não podemos dizer que impacto real o My Ad Center terá nas empresas, mas é muito importante que as marcas comecem a levar mais a sério as questões de privacidade online e reinventem suas estratégias de marketing.

Se você deseja estar sempre atualizado com as notícias e tendências de marketing mais importantes, recomendo fortemente que você assine a newsletter interativa. a batidasão conteúdo de rock!

Leave a Reply